Clónicas do Clato (3)

Aventar

nuno crato
“Calo camalada Mao: dilijo-me à sua estimada e venelada memólia pala lhe galantil que, se falhámos a glandiosa Levolução Cultulal, eu, Nuno Clato, vingalei essa aflonta fazendo a Levolução Escolal em Poltugal. Pala já, polei os nossos alunos a falal tão bem inglês como o nosso plimeilo ministlo, poltuguês tão bem como o camalada Miguel Lelvas ou o Albelto João Jaldim e chinês tão bem como eu. Que viva a minha levolução. Que viva o Glande Salto em Flente.”

View original post

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s